quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Continuas a gostar dele?

No outro dia alguém me perguntou:
- Continuas a gostar do Aladino da mesma forma?
Eu:
- Claro que sim.
O que é certo é que esta pergunta inesperada pôs-me a pensar. Já passou 2 anos que a nossa relação levou um abano gigante. Muito choro, muita desilusão, muita mágoa mas continuamos juntos, muitos fins de semana sem estar juntos e muitas discussões é assim que temos vivido. Promessas para mudar de vida, começar uma nova vida mas uma coisa é falar outra é fazer. Muitos trambolhões e ainda assim juntos. Mas nem todas as relações duram muito tempo assim. E esta, não é excepção. Chega a uma altura que desistes de lutar, chega a um ponto que não tens mais forças para lutar nem motivos. Chegas a um ponto que estás a lutar sozinha e.... Chegas a um ponto que deixas o barco ir, porque ele irá a algum lado. Ou será salvo o afundar-se-à.
Agora a resposta ao título do post:
- Continuas a gostar dele? Eu: - Sim.
- Continuas a amá-lo? Eu: - Não.

5 comentários:

  1. Pessoalmente eu não aguentaria uma relação assim. Eu preciso de afeto, de atenção, de contacto diário, de conversas, de discussões saudáveis. E lutar sozinha numa relação para mim não é de todo possível.

    ResponderEliminar
  2. Passei pelo mesmo... Mas cheguei ao ponto que desisti, que tudo me atormentava mais do que me fazia feliz. Se ainda gosto dele, acho que nunca deixarei de gostar, mas amar não. Por isso compreendo-te...

    ResponderEliminar
  3. Isto é um misto de sentimentos, é uma confusão que nem sei para onde me virar.

    ResponderEliminar
  4. As relações são tão compliocadas...ou então as pessoas é que o são... Apaguei o comentário que deixaste no meu blog, sem querer :( o pior é que nem o cheguei a ler...

    http://beinbetween.blogspot.pt/

    ResponderEliminar