domingo, 15 de novembro de 2015

Caminhada

Hoje foi dia de ajudar quem precisa. Este ano foi a segunda vez que fiz uma caminhada solidária. Fui com as minhas amigas do costume e encontrei colegas de trabalho. Sinceramente não gostei muito. Foi um percurso curto e as pessoas iam muito juntas e não dava pra irmos sempre ao mesmo ritmo. 
Deu pelo convívio, pelo encontro de pessoas que não víamos há muito tempo e pelo excelente tempo que teve. 

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Viagem do Ano

Este ano está a ser um ano de grandes mudanças na minha vida e mais uma mudança se avizinha.
Sempre tive o desejo de passar a passagem de ano na neve. E este será o ano que vai acontecer.
Suíça me espera.
Andei o ano todo a dizer há minha família que ia, e fui sempre adiando. Agora, nada posso fazer. Viagem marcada (finalmente). Passo o Natal com os meus pais, e depois lá irei. 8 Dias.
Não é a primeira vez que lá vou. Já lá fui há alguns anos mas no verão, mas agora estou muito mais entusiasmada por causa da neve. Será uma passagem de ano completamente diferente do que tem sido até agora.
 
 
Foto retirada daqui.

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Começa hoje uma nova vida...

Não, não conheci um novo amor, nem me saiu o euromilhões nem tão pouco subi na carreira. Hoje, é o primeiro dia que nada tenho a ver com Aladin. Agora posso dizer que tenho uma nova vida e que tudo recomeça.
Não pensem que não fui feliz com ele, porque isso não posso dizer. Fui muito feliz durante 9 anos, mas os problemas começaram aparecer e eu sozinha não consegui. Uma relação são duas pessoas. Assim terminou 12 anos, 3 meses e alguns dias....

olá nova vida....

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Podemos falar no facebook??

Acontece cada aventura que às vezes nem sei se é bom ou mau. Se é o destino.
Quando fui de férias, fui de comboio. Não havia necessidade de ir de carro, porque numa zona à beira-mar na altura do verão e sem garagem, não é fácil mesmo nada fácil arranjar sítio para estacionar. E quando há, é looooonnngggeee de casa. Continuando, entrei no comboio e sentei-me no primeiro banco livre que vi. Ao lado estava um rapaz, por volta dos 30/35 anos. Vem o revisor, digo para onde vou, pago, recebo o bilhete e entretanto o rapaz começa a fazer perguntas. Se vou para "X", se sou de lá ou se sou de onde entrei, se vou em férias, se trabalho ou estudo, que vai para "Y",... esse tipo de perguntas. Depois de interrogatório feito, calou-se e adormeceu. Durante a viagem peguei no telemóvel e fui ao facebook e andei por lá....
.....
.....
.....

Estavamos a chegar ao destino "Y", como ele estava a dormir ,e como eu gostaria que me fizessem para depois não andar para trás, acordei-o e disse que estava no seu destino. Diz-me ele:
- Não vou sair aqui. Só saio em "Z".
Fiquei com cara de parva. Azar o meu, começou outra vez com perguntas.
Estava eu a chegar ao meu destino, diz-me ele: - Vi que tens facebook.
Eu: Tenho, sim.
Ele: Não me queres dar para continuarmos a falar?
Eu: Não, porque só adiciono quem conheço.
Ele: Mas assim podiamos falar.
Eu: Desculpa, mas só adiciono pessoas que conheço.
Ele: Tens namorado?
Eu: Mais ou menos (não tenho).
Ele: Ok. Desculpa então.
Calou-se.

Cheguei ao meu destino, disse-lhe boa viagem e sai do comboio.

Acontece-me cada uma.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

As férias já acabaram.... mas já à alguns dias

Pois, o bem bom já acabou e agora estou de volta ao trabalho. Correram muito bem, não deu para ir tanto para a praia como gostava de ter ido mas deu para descansar. Pelo trabalho também ainda anda tudo a 70%, até porque ainda está algum pessoal, clientes e fornecedores de férias.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Inicio de férias com Anselmo Ralph

Na sexta-feira passada foi o último dia de trablho antes das férias e nada como começar as férias a ver um concerto do Anselmo Ralp. Adorei. Agora estou na casa de praia mas amanhã já vou para a minha terra. Para a próxima semana volto outra vez  mais uns dias para ir às festas de Viana do Castelo.
Tenho ido para a praia mas hoje está uma porcaria. Vento, frio, nevoeiro. Estou a ver gente na praia, mas não é para mim estar na praia com este tempo e a comer areia. Espero que venha o bom tempo para torrar um bocadinho.
Vou dando mais notícias.

terça-feira, 21 de julho de 2015

a vida anda para a frente

É muito complicado e dificil  recomeçar uma vida nova quando se está numa relação e que tinha planos para um futuro a dois. Mas como a vida anda para a frente e eu não vou ficar em casa a chorar pelos cantos (já foi tempos), tenho estado com amigas de longa data. Temos ido jantar fora, lanchar, concertos (temos fotos com vários grupos 'da moda'), e experimentar coisas que com os respectivos não faziamos. Tenho amigos, no masculino, que convidam para sair e às vezes vou. Estou aproveitar esta nova vida mas sem perder a orientação. Quero gozar enquanto sou nova. Quero e faço tudo para ser a 'Princesa Jasmin' que toda a gente conhece. Sempre com o sorriso no rosto, bem disposta e de bem com a vida.

domingo, 12 de julho de 2015

É bom ter amigos

É tão bom voltar a sair com amigas. Há anos que não sabia o que era isso. Ontem hã noite fomos ver Nelson Freitas e Carlão e conseguimos fotos com eles. Foi uma noite TOP. Foi rir, dizer asneiras,... Foi uma noite para repetir, depois de meses fechada em casa sem companhia.
Logo, tenho um jantar com um colega :-)

quinta-feira, 2 de julho de 2015

estou de volta

Estou cá novamente. A minha vida começa a ficar organizada. Continuo a viver commos meus pais, continuo no mesmo trabalho,o que mudou foi mesmo a nivel amoroso e social. Ganhei força e coragem e acabei uma relaçāo de 11 anos. Tentei, juro que tentei, esquecer , perdoar, uma traiçāo durante 2 anos mas como se costuma dizer: "Quando 1 nāo quer, 2 nāo dançam'. Nāo se decidiu, entāo decidi-me eu. Acabou-se. Quanto a nivel social, tenho estado mais tempo com a minha família, com os meus amigos de longa data dos quais me afastei e tenho conhecido novas pessoas.. Neste momento estou de fériad na praia e adorar. Tem estado bom tempo para ir à praia. Assim é a minha nova vida e espero que apartir de agora melhore

terça-feira, 28 de abril de 2015

não há grandes novidades

Sei que há muito tempo que não passo por aqui e deve-se essencialmente há falta de tempo e às mudanças que estou a fazer à minha vida.Para quem me acompanha já deve ter reparado nos meus desabafos que falam de outra pessoa e a mudança tem haver com ela. Prometo voltar em breve, mesmo que não conte nada de especial.

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Férias da Páscoa

Não me lembro se no ano passado tive férias da Páscoa, mas este ano tive e para ser sincera já estou cansada de estar em casa.
Na sexta-feira, foi dia de limpezas, no sábado acabei o que faltava, e à noite fui entregar a prenda à minha princesa (afilhada) e estar com os meus amigos. Ontem, dia de Páscoa, o dia foi passado com a minha família e correu tudo muito bem. Há muito que não passava assim um dia com a família. Foi maravilhoso. Ah, já me ia esquecer, já mesmo no fim do dia os meus tios lembraram-se de ir até à praia ver o pôr-do-sol. Eram quase 22 horas quando chegamos a casa... pra jantar. Eh eh eh.
Hoje, como é o último dia de férias, os meus tios disseram-me pra ir lá lanchar e depois fomos jantar francesinha. Estou cheiiinha. Já não entra mais nada. Acho que engordei mais este fim-de-semana do que no último mês.
Assim foram as férias.

quinta-feira, 19 de março de 2015

Quem vê caras não vê corações

Estou chocada, uma colega tem tido problemas na sua vida pessoal e várias vezes enquanto trabalha desabafa comigo e com os nossos colegas sobre isso. O problema de muitas famílias neste, e noutro país qualquer, é ter dinheiro para as despesas mensais. Sabemos que o processo de divórcio está a andar, mas se há uns tempos para cá as coisas financeiramente andavam mal, agora é muito pior. Ele foi deixando de dar dinheiro para as despesas, só o ordenado dela para tudo, e quando lhe pede dinheiro ri-se na cara dela. Hoje, em modo de desabafo, diz-nos que passa fome. O filho não, mas ela sim, porque o dinheiro que ganha não dá para tudo. Devem estar a pensar o que ele faz ao dinheiro, não é? Pois, nem ela sabe qual é o ordenado dele porque ele deita as folhas fora, e não se preocupa nem com o filho.
Trabalhamos juntas à alguns anos, nunca pensei que ela estava a sofrer desta maneira. E ainda ela diz que não sabemos nem metade da história dela.

P.S. Se isto não é nem metade da história e já está nesta situação, tenho medo do que virá mais para a frente.

P.S.2. Também sei que dívidas têm algumas. Valor? É melhor não dizer. É muito mau mesmo.


História muito abreviada.

Os dias são curtos

Sei que ando desaparecida, mas é mesmo por falta de tempo. Mudei várias coisas do curso que ando a fazer e o tempo tem sido pouco para as restantes coisas. Ao fim de semana, a vontade é pouca de ligar o computador e ainda por cima com o tempo bom que tem feito vou aproveitar para passear.

Antes reclamava que tinha tempo livre a mais, agora tenho tempo livre a menos. Mas não interessa, gosto de me manter ocupada.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Do dia dos Namorados ao Carnaval

Dada as últimas festividades que não ligo nenhuma tenho a dizer que correu bem e já vão longe.
- Quanto ao dia dos namorados, fomos passar o fim de semana fora e como fomos já no fim do dia fomos ao restaurante mais chique, tcharam.... McDonalds, McDrive.
- Ontem foi dia de trabalho.
- Hoje foi feriado e já que o dia estava espectacular fez-se uma caminhada que soube pela vida. Cansada mas mais leve. Um sol maravilhoso.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Gomas

Adoro gomas. Este saco veio na minha carteira quando fui às compras hoje. A sério eu até me babo por gomas. Dou mais preferência aquelas que não tem açúcar por fora mas não digo que não. Adoro estar com gomas na boca e a derreter. Já para não falar do cheirinho doce que tem. Até me babo só de pensar e tento resistir para não ir atacar o resto.

sábado, 7 de fevereiro de 2015

A idade mexe com os sentimentos mais intimos

Estou uma choramingas do caraças. Soube que o pai de uma colega de infância esteve muito mal no hospital e quando me disseram caíram-me as lágrimas dos olhos. Não sei se é da idade, mas sei que antes este tipo de coisas não mexiam comigo. Outra situação, quando foi o funeral do pai do meu patrão também chorei e controlei-me muito para não chorar mais e até fiquei surpreendida comigo porque nem sequer conhecia o senhor. 
Isto são só algumas situações porque até no cinema ou a ver as notícias ou até a ler um livro quando são coisas mais tristes eu choro.

sábado, 31 de janeiro de 2015

É sempre bom um aumento

Sei que o país a nível profissional e não só está uma merd@, mas não podia estar mais contente pois fui ver o meu recibo de vencimento e tive um aumento de 25€. Desde que comecei a trabalhar (trabalho à 7 anos) este foi o terceiro aumento. O primeiro foi de 95€, depois foi o subsídio de alimentação que passou para 6,60€ e agora um aumento de 25€. Sinceramente já nem me passava pela cabeça que ia haver aumentos, também não posso dizer que ganho mal.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Para a frente.

Estou a habituar-me à distancia e à ausência....
Não é fácil. Sempre soube que ia ser difícil, mas tenho de seguir em frente. 

domingo, 25 de janeiro de 2015

o meu trabalho & o meu sonho

Sei que já aqui falei que gosto da minha profissão, daquilo que faço, do curso que tirei, mas essa nunca foi a minha primeira opção. Aliás, nem primeira, nem segunda, nem terceira. Não foi imposta, mas também não posso dizer que era uma coisa que me chamasse atenção nem curiosidade. O que é certo é que entrei às escuras e que gostei e é nisso que trabalho desde que acabei o curso há uns anitos e gosto. 
Mas o que gostava mesmo de ser e de fazer nada tem haver uma coisa com outra. 
O que leva a escrever é: Eu nunca deixei de estar ligada ao meu verdadeiro sonho. Aquilo que eu gostava de fazer, talvez nos tempos livres e para as amigas, noto que nos últimos tempos isso tem-se intensificado mais pelas voltas que a minha vida tem levado. A minha mãe trabalha na área que gosto e já lhe disse para arriscar que se corresse bem eu assumia as rédeas do negócio mas ela não está muito convencida. Tenho uma conhecida que também me apoia e me ajuda. O que vocês fariam? Arriscavam, muito devagar, para não perder nem o trabalho que mantenho à anos nem este novo investimento.
Seria (mais) feliz da vida se conseguisse seguir o meu sonho de sempre.

sábado, 24 de janeiro de 2015

Ao telefone

Quando estou bem disposta meto conversa com qualquer pessoa mesmo que não conheça. Estes dias ligaram para casa e eu atendi o telefone e passou-se a seguinte conversa:

Eu: Estou?
Do outro lado: É a D. X.
Eu: Não, é a filha.
Do outro lado: Aiii...
Eu: Dói-lhe alguma coisa? (passo o telefone à minha mãe).
Do outro lado: Ahahahahah...


sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Tenho de me convencer que...

Tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho, tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho,tenho de me levantar quando o despertador toca para não chegar tarde ao trabalho.

Os 5 minutos, ou mais, que demoro a pôr-me a pé fazem diferença no transito.

sábado, 10 de janeiro de 2015

Uma mentira...

Quando apanhamos uma mentira de uma só pessoa já é muito mau, e agora se descobrimos que numa só casa sabiam e que encobriam? É o quê? Há gentinha mesmo sem vergonha na cara não há? Devem pensar que a verdade não se descobre. A mentira tem perna curta ou nunca ouviram dizer? Devem pensar que os sinais que via, eram coisas da minha cabeça. A sério. Dá-me cá uma raiva. Era para proteger o quê? 

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

O que diz a balança depois das festas...

Pois, a balança onde me peso (quase) sempre diz que emagreci 2kg entre o Natal e a passagem de ano. Se ela diz, está "dezido".... Mas eu queria que dissesse que engordei. :-(

P.S. Já perguntei se não estava avariada mas dizem que não. Foi calibrada há pouco tempo. Fonix. 

sábado, 3 de janeiro de 2015

Casa dos segredos

Vocês virão a cara da Elisabete quando foi declarada vencedora? Deve ter sido igual à minha e a de meio Portugal. Apostava da Agnes ou no Pedro. 

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

2015

Olá.

Agora que 2014 se foi, vou revelar os meus desejos para este novo ano. Antes de mais e falando de 2014 não foi um ano mau, 2013 foi muito pior, mas como na vida tudo é aprendizagem aprendi a encarar a vida de outra maneira. Olhar com outros olhos. Ser mais ponderada. Nem sempre é como desejamos. Aparece coisas que nos dão luta e obrigam-nos a não ficar parados e a mudar o lado e o adversário. Obrigam-nos a lutar por aquilo que queremos.

Assim para este novo ano desejo:
- Continuar com o mesmo emprego.
- O meu problema de saúde não se lembre de fazer das dele. Que continue como está caladinho que eu prometo portar-me bem, como até agora e sempre.
- Que a minha família continue unida e com saúde, dentro do possível (o meu pai já teve 3 AVC's).
- Empenhar-me mais no curso de francês.
- Que o meu patrão me dê a oportunidade que tanto desejo e trabalhei para isso. Ser do género de relações públicas dos clientes franceses.
- Ter e ser mais paciente.
- Interessar-me mais pela culinária.
- Fazer voluntariado dos sem-abrigos.
- Ir mais vezes ver a minha afilhada linda.
- Gostava de tirar um novo curso de uma área que gosto e nada tem haver com o curso que tenho (já debaixo de olho).
- Voltar à natação.
- Andar mais a pé. Não para emagrecer, mas porque gosto de o fazer.
- Marcar mais cafés, lanches e jantares com as amigas. No penúltimo dia do ano tive com uma amiga das 3h às 7h. Mais tempo tínhamos e mais tempo ficavamos na conversa.
- Actualizar mais aqui o blog e temas diversos.
- Dizer aquilo que quero e penso sem medo de magoar os outros. Eles é que me magoaram sem o mínimo de consideração e ainda acham que não fizeram nada de grave..
- Tirar mais fotografias para recordar no futuro aquilo que fiz e fui no passado.
- Viajar.
- Passar mais tempo com a família que está longe, não esquecendo a que está perto.

Assim de momento acho que é tudo. Ainda tenho 363 dias pela frente.