terça-feira, 28 de maio de 2013

Yes ou No

 

Não sei o que é pior, continuarmos a namorar e parecermos dois desconhecidos, sem nada para dizer, sem saber onde ir, sem saber o que fazer, sempre a discutir ou cada um seguir caminhos diferentes.

sexta-feira, 24 de maio de 2013

a dor....


A dor,
Tenho de sobreviver,
Esperar que ela vá embora sozinha,
Esperar que a ferida que a causou sare.
Não há soluções, nem respostas fáceis,
Respiro fundo e espero que vá diminuindo.
A dor pode ser tratada, mas às vezes,
Ela vem,
Quando menos espero,
Deixa me presa, não me deixa levantar.
Mas tenho de lutar,
Não vou deixar que a vida me prenda a ela.
 
 

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Just Give Me A Reason

Right from the start
You were a thief, you stole my heart
And I, your willing victim
I let you see the parts of me
That weren't all that pretty
And with every touch
You fixed them

Now you've been talking in your sleep oh oh
Things you never say to me oh oh
Tell me that you've had enough
Of our love
Our love

Just give me a reason
Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
It's in the stars
It's been written in the scars on our hearts
We're not broken just bent
And we can learn to love again

I'm sorry I don't understand
Where all of this is coming from
I thought that we were fine (oh we had everything)
Your head is running wild again
My dear we still have everythin'
And it's all in your mind (Yeah, but this is happenin')

You've been havin' real bad dreams oh oh
You used to lie so close to me oh oh
There's nothing more than empty sheets
Between our love, our love
Oh, our love, our love...

Just give me a reason
Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
I never stopped
You're still written in the scars on my heart
You're not broken just bent
And we can learn to love again

Oh tear ducts and rust
I'll fix it for us
We're collecting dust
But our love's enough
You're holding it in
You're pouring a drink
No nothing is as bad as it seems
We'll come clean

Just give me a reason
Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
It's in the stars
It's been written in the scars on our hearts
We're not broken just bent
And we can learn to love again

Just give me a reason
Just a little bit's enough
Just a second we're not broken just bent
And we can learn to love again
It's in the stars
It's been written in the scars on our hearts
We're not broken just bent
And we can learn to love again

Oh, we can learn to love again
Oh, we can learn to love again
Oh, that we're not broken just bent
And we can learn to love again

domingo, 19 de maio de 2013

Talvez não saibas




Talvez não saibas,
Talvez não tenhas reparado,
Talvez não queiras ver...
...mas ando todos os dias com a foto que me deste à uns meses, de 
quando te conheci, de como te conheci.
E sabes porquê?
Pedes-me perdão, pedes desculpa, dizes que vais voltar ao normal e que me vais fazer muito feliz.
Continuo à espera lindo que isso aconteça.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Por muito mais


... que sonhe, que pense, que deseje, à coisas que nunca serão como nós queremos nem como nós sonhamos.

terça-feira, 14 de maio de 2013

Tatuagens


Cada vez mais penso em fazer uma. Não igual, mas no pé. Mas algo simples.
 

FUGIR

 
Era pegar na mala e partir. Sem destino, sem horas, sem marcações, sozinha.
Apenas eu, e os meus pensamentos e o meu tempo.
O que aconteceu, o que está a acontecer e o que espero que acontecerá.
 


terça-feira, 7 de maio de 2013

Lembras-te de quando me dedicas-te esta música?




estou feliz...


…. pelos meus amigos, pelas minhas amigas, pelos meus conhecidos, pelas pessoas que não conheço, por todas as pessoas que estão à espera de bebé….

Mas isto está a roer-me. Também quero. Sinto o meu relógio a cada segundo, ouço-o a toda a hora. Quero ir viver contigo meu amor, quero dar um novo passo na nossa vida, e depois sim, vamos ter um bebé.

Queres cometer esta loucura comigo?

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Porquê....


....que me pedes para não desistir, quando tu nada fazes para que isso não aconteça? Tu não tens força? E eu? Achas que tenho? Lutar para esquecer, lutar para ser feliz, lutar para te ver feliz, lutar para sermos felizes? Achas que sozinha vou conseguir? Eu não, já te disse muitas vezes que não aguento, mas tu….. tu continuas na tua. Parece que estás longe, não fazes nada, fazes-me sentir ainda pior. Luto contra um fantasma.

Mas gostei do que me disseste ontem, tens saudades do que já fomos, saudades do que já fui, saudades minhas, saudades das nossas últimas férias juntos. Gostei de saber que sentes falta disso.

Quero que ganhes força para voltarmos aquilo que já fomos. Como te disse, só depende de Ti sermos o que já fomos.

Amo-te meu aladino.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Desabafo


Não sei como começar. Imensas coisas que não me deixam falar, estão na minha cabeça e no meu coração como um novelo de lã. Mas isto é tudo para ti, para o meu aladino.
Sei que estás farto que eu fale da mesma coisa, mas eu não consigo deixar de pensar no que nos aconteceu. Sempre me disseram que o amor é um belo sentimento, eu senti o que era o amor, no verdadeiro sentido da palavra, mas neste momento eu odeio este sentimento. Não consigo perceber como é que o meu gato, deixou acontecer tudo isto. Como? Porquê? Será que a culpa é minha? Será que a culpa foi minha? Eu tenho quase a certeza que não.
Com esta dor aprendi uma lição para a vida. Nunca, mas mesmo nunca podemos acreditar que temos tudo de mãos dadas. Sei que neste aspecto falhei, pois o amor é como um jardim, temos de o regar, tratar para o manter vivo e vistoso, e não deixar que as ervas daninhas apareçam e estraguem. É a única coisa que eu acho que falhei.
A nossa relação sempre teve presa por uma corda e com um nó cego, mas esse nó e essa corda começaram a enfraquecer. A corda está em fios soltos e o nó está a ficar um laço que eu não quero que se desmanche.

Estás arrependido ter começado a namorar cedo? Sei que fui a tua primeira namorada e sempre me disseste que seria a última, mas será mesmo? Como é que alguém conseguiu estragar uma relação de quase uma década? 
Neste momento estás comigo, sempre a meu lado, mas eu sofro imenso. Vivo com receio que tudo volte a acontecer, que não nos deixe em paz, que me mintas, que escondas,... O que vamos fazer? O que queres fazer? Eu já te disse muitas vezes o que acho que é melhor para nós, pelo menos por enquanto. Deixa o pó assentar, deixa o tempo, a saudade, o amor falarem por nós.
Contudo isto, cada vez estamos mais distantes, as nossas conversas deram lugar a discussões, os nossos sorrisos deram lugar às lágrimas,os nossos abraços deram lugar às mãos dentro dos bolsos e sei que cada vez mais a vontade de estarmos juntos é pouca, não por falta de amor mas porque sabemos que vai haver discussões, lágrimas e amuos.
Porquê que deixamos de fazer tantas coisas que fazíamos, como ir ao cinema, sair à noite, ir às compras, andar a pé, irmos até à praia. Tu agora recusas-te fazer isso porquê? Porquê que agora só queres estar em casa? Porquê que deixas-te de ser o homem romântico, carinhoso, compreensivo, sempre disposto a ouvir, sempre com uma palavra de força e coragem. Onde estás tu meu príncipe? Até os nossos amigos já repararam isso, que estás diferente, mas mesmo assim tu não dizes o que se passa. Engoles e não dizes nada.

Sabes que isto está a matar-me por dentro, sabes que a minha cabeça anda a 1000. Tu conheces-me muito bem e eu também sei que estou diferente. Deixei de ser a namorada sorridente, sempre com novidades para contar, sempre com piadas, sempre bem-disposta.

Sabes muito bem que és tu o homem da minha vida, aquele que sempre sonhei construir uma família, sonhei para meu marido e sabes também que nunca quis casar, que para mim a festa é uma desperdício de dinheiro, mas também mudei de ideias quanto a isso porque para ti é muito importante teres a tua família por perto nesse dia especial.
Sabes também que sempre fiz tudo por ti, mesmo contrariada porque sei que certas coisas são importantes e eu só te quero ver feliz. Ver o teu sorriso faz-me ainda mais feliz.

Estou cansada de tentar recuperar o que já fomos, mas vou continuar. Afinal não tenho nada a perder.
Da tua eterna princesa.